Aventuras Cantadas - SEM INFORMAÇÕES


Sinopse:

Depois de conquistar o reconhecimento da crítica especializada com as dramaturgias do infantojuvenil O Menino Mais Rico do Mundo e do premiado musical O Cravo e A Rosa e do público como o personagem Tatu, da novela Chiquititas, do SBT, Xico Abreu volta aos palcos após três anos, cheio de novidades. Ao lado da esposa, a cantora e atriz Livia Izar, ele forma a mais nova dupla musical voltada para a infância, Manaká Passarinheiro. Sob direção do Luís Igreja (indicado ao Emmy Awards® 2017 pelo programa Tem Criança na Cozinha – Canal Gloob), ela apresenta o musical cênico Aventuras Cantadas, em turnê pelo Brasil. Depois de passar por Curitiba e São Paulo, chega ao Rio de Janeiro no dia 13 de janeiro, no Teatro dos Quatro, Shopping da Gávea, até o fim de fevereiro.
 
O repertório do espetáculo com 13 canções originais da dupla, arranjadas pelo maestro Julinho Teixeira (produtor musical de nomes de peso da MPB, como Caetano, Ney Matogrosso e Luiz Melodia) ganhou um CD editado pela Sony Music ATV. O resultado do trabalho da dupla que aborda a infância e suas felicidades também agradou a TV Cultura. Liv Manaká e Xico Passarinheiro foram convidados pela diretora do Quintal da Cultura, Bete Rodrigues, para estrelar o Especial do Dia das Crianças do programa, que foi ao ar em 2017.
 
Na TV e no palco, os personagens Liv e Xico são pesquisadores intergalácticos do infinito que procuram a presença da vida feliz no universo. Na Terra, eles comprovam que a felicidade está nas pequenas coisas e no estado da infância, independente da idade. Com recursos do teatro, da contação de história e da brincadeira, o espetáculo-show é destinado aos pequenos de zero a dez anos e seus familiares.
 
“A gente descobriu que pode viver a infância como um estado de espírito. A partir disso, com as nossas experiências pessoais, junto ao nosso filho, fomos tecendo o Manaká Passarinheiro. No palco, compartilhamos esta vivência com o público de uma maneira potente e poética. A direção do Luís (Igreja) é bem pautada no gesto, na simplicidade e na delicadeza ainda que tenha humor e certas extravagâncias”, diz Xico Abreu.
 
O casal investiga o universo da infância desde 2006. Após se tornarem pais, criaram a Casa de Cultura Amaramar, que promoveu ações socioculturais às crianças, entre 2013 e 2015, no Recreio dos Bandeirantes, no Rio de Janeiro. A iniciativa foi reconhecida pelo governo do Estado e pelo Consulado Americano ao International Visitors Leadership Program.
 
Ficha Técnica:
Direção: Luís Igreja.
Texto: Xico Abreu.
Arranjos: Julinho Teixeira.
Assistente de direção: Janaina Menescal.
Iluminação: Luís Igreja.
Figurino: Denise Bernardes.
Cenografia: Manaká Passarinheiro.
Direção de Produção: Marcela Siqueira.
Produção Rio: Lidy Marx.
Produção Executiva: Tom & Luz.
Comunicação: Marx Comunicação!
Programação visual: Raphaella Avena.
Realização: XA Realliz Produções.



Duração: 60 minutos


Temporada:
Sem Informações!


Contato:
(21) 4042-6662 (Rio no Teatro)


Classificação:
Livre


Generos:
Musical / Infantil




PUBLICIDADE
TRANSAMÉRICA 101,3
NEWSLETTER e Notificações
Cadastre seu e-mail e receba em primeira mão conteúdo exclusivo do teatro carioca, descontos e promoções
Nome
E-mail
 
PUBLICIDADE
GOOGLE+
FACEBOOK
PUBLICIDADE